Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Caracol

Um blogue pseudo-humoristico-sarcástico. #soquenão #ésóparvo

Um blogue pseudo-humoristico-sarcástico. #soquenão #ésóparvo

Conan, o Osíris

Há umas semanas, quando ouvi Osíris pela primeira vez, enquanto arrumava a cozinha, escrevi: "Ouvi a música mais votada para o festival da canção. Digam-me: ainda não é nada definitivo, pois não? Ainda vamos a tempo de mudar, não vamos?
Vou só ali esperar com o ancinho no pé para esquecer. 🙄"
Eu sei, nem parece meu que até "gosto de música esquisita".
É o que dá escrever a opinião baseada em opiniões, depois de só ouvir uma vez e sem escutar efetivamente.
Sabendo que isto das músicas diferentes é como as couves de bruxelas, só ao fim de algum tempo é que nos acostumamos ao sabor, dediquei o meu tempo a escutar Osíris.
Não acho genial, não acho nada nunca antes visto - tirando o bailarino e o faqueiro como adereço, aí é originalissímo. Assim como assim, eu acho que se levasse uma tigela Bordalo Pinheiro no topo da cabeça sempre compunha o look de mesa posta.
Não me agrada particularmente aquele timbre meio aciganado, mas reconheço-lhe o mérito das letras e da ousadia. A letra de "Adoro Bolos" está francamente bem pensada, por exemplo.
Se vou passar a ouvir Osíris com o mesmo gosto com que ouço Sobral? Provavelmente não. Contudo, depois de ter ouvido outras composições dele, acho-o genuíno e audaz. Está-se a borrifar para os que, como eu, acham que parece uma mesa de domingo à espera que o assado saia do forno. Se ele gosta, está bem para ele.
Ah, mas ele fala assim bué mal. O que é falar mal? A mim, choca-me mais alguém dizer "Há muito tempo atrás" do que uns bués e tipos a ligar frases. Além disso, provavelmente, faz parte da personagem.
Ah, mas tu só estás a defendê-lo porque ganhou o festival da canção. Não sejam mauzinhos e dêem uma oportunidade à música do rapaz. Quem sabe não passam a gostar?
Não me partam é o telemóvel, ok? 😜

2 comentários

Comentar post