Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Caracol

Um blogue pseudo-humoristico-sarcástico. #soquenão #ésóparvo

Um blogue pseudo-humoristico-sarcástico. #soquenão #ésóparvo

Se a Imaculada Concepção fosse hoje #2

natal18.png

Na sua missão de encontrar uma incubadora para o Patrão, Gabriel percorre arduamente perfis do Instagram. Passou-lhe pela cabeça falar com a Rita Pereira, mas rapidamente percebeu que afinal a moçoila já estava grávida e não tinha apenas enfardado uma feijoada mais puxadita ao almoço. Pena, porque a gaiata tinha bons genes e iria dar um primogénito bonitinho e fácil de idolatrar. Por outro lado, o cachopo iria ser alimentado a barras proteicas da Prozis durante os primeiros anos e com um jeitinho até teria o seu próprio código de desconto que isto temos que rentabilizar os miúdos e educar para o valor ao dinheirinho porque ele não cai do céu nem vem em pacotes da MRW. 

Desiludido, fechou o instagram e abriu o facebook. Deu consigo a fazer scrolldown sem ler metade das publicações, quando se deteve numa publicação do Noticias ao Minuto sobre uma declaração aparentemente homofóbica de um qualquer conhecido da TV. A publicação contava já mais de 338 comentários, mas dado que que já tinha perdido meia hora em nada, Gabriel guardou a publicação para os ler mais tarde. 

Mudou para o LinkDin, mas rapidamente percebeu que ali não se passava nada. 

Seguiu-se uma viagem rápida pelo twitter onde depressa percebeu que que aquilo funciona quase como um asilo aos expatriados pelo facebook. O facebook crucifica, o instagram aplaude apedrejamentos públicos, o twitter acolhe perfis de refugiados que conseguem sobreviver à perseguição do politicamente correto.

Desalentado e já a temer o sermão que teria que ouvir do Patrão por mais um dia perdido, Gabriel decidiu colocar as asas ao caminho e decidiu voltar à velha guarda: camuflou-se no meio da multidão que seguia apressada, sem vida e com rumo da rotina.

O comboio chegou a horas, facto extraordinário para aquela empresa ferroviária, gerando uma onda de alegria espontânea e milhares de desabafos em forma de post nas redes sociais. 

Foi aí, no meio da multidão exaurida e acelerada que Gabriel a viu. 

 

foto do autor

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D